Arquivo do mês: fevereiro 2010

Feriado e ponto facultativo…

Aqui estou eu, neste momento são 11h53 da manhã e em estou no hotel, trabalhando. Não vou me fazer de hipócrita dizendo que tudo bem, fazer o que, temos que trabalhar. Paciência e etc e tal. Para ser bem clara estou bem frustrada por estar aqui. Primeiro porque estou em um estado de cansaso que não consigo descrever o tamanho. Segundo porque com o sol maravilhoso que está fazendo o mínimo que eu gostaria hoje seria ir nadar ou ainda ir para a praia como o meu digníssimo namorado foi, mas não, estou aqui trabalhando e tudo porque não é examente feriado e sim ponto facultativo!

Glória a Deus, porque isso me motiva a procurar uma coisa melhor e me entusiasma a crer que logo e em breve as brisas a bater em meu rosto serão leves e novas!

Mas por falar em motivar, estou sonolenta meus olhos se recusam a permanecerem abertos. Até tomei um copo de água com açucar para ver se me animo mais!!!

Saudades de casa!!!!

Fiquem na paz!

P.S: Agorá são 12h11!

Anúncios

Pensamentos

Hoje pela manhã, estava eu refletindo sobre a minha vida. (Calma não era uma reflexão dramática sobre todos os acontecimentos que passei, e sim sobre os últimos ocorridos). Mas o que importa é que eu venho de uns dias para cá, refletindo e pensando bastante sobre as minhas vontades e prioridades. Sabe a velha história de “o que eu quero ser quando crescer”, então crescer eu cresci, mas o que eu tenho procurado fazer dos meus dias, o que tenho colocado como prioridade em minha vida, o que é que eu almejo para meu futuro?

É claro que sei que os planos de Deus em minha vida já estão definidos e traçados, que tenho convicção em meu coração que desejo vivê-los. Entretanto, no que me compete decidir e pensar a respeito deste assunto, o que é que eu tenho ambicionado, está é a verdadeira questão?

“Quem eu sou? Quem Tu és? Quem Tu queres que eu seja?” Este pequeno refrão que há muito tempo foi cantando muitas e muitas vezes por mim na igreja, nunca foi tão vivo e presente em meu coração como nos últimos dias.

De fato tenho conseguido absorver de Deus o que realmente eu quero para mim, e chego cada vez mais a conclusão de que o que eu quero é PAZ! E não estou falando de um paz utópica, onde o planeta inteiro vive como se estivesse em Woodstook e muito menos como se não existissem os conflitos entre os povos pelas nações a fora. Não, a PAZ que eu quero é a que vem dEle quando eu entendo que o Seu amor me preenche e quando eu entendo que as minhas conquistas virão em Seu tempo, e que me basta ter Fé! A PAZ que estou falando, é aquela que me faz dormir bem a noite, que quando estou relaxando lendo um livro, minha mente realmente está lendo este livro e não divagando pelos produtos que quero comprar para saciar o consumismo, pelas contas que preciso pagar, pelas viagens que quero fazer, e blá, blá, blá. A paz que eu quero é ter tempo para meditar na palavra de Deus, ter tempo de visitar amigos e parentes, poder ver um filme, poder ir assistir a um espetáculo de dança, poder entender que posso comprar minhas coisas sem ambicionar o que não consigo pagar, e entender que não preciso das grifes e dos brilhos, porque o que brilha para mim agora é a glória de Deus.

Sei que se alguem ler o que eu estou escrevendo, ficará um pouco perdido no raciocínio que é um pouco complexo. Mas é que eu senti necessidade de externar tudo isso para que minha mente pudesse refrigerar, rs.

Por enquanto para por aqui…

Graça de Deus, que é o suficiente, e que eu verdadeiramente entenda e viva isso.


Dando alguns passos

Boa tarde!

Hoje estou muito feliz pois vou concretizar uma benção recebida de Papai…. ainda não irei contar, pois primeiro irei colher os frutos!
Mas quero deixar uma intrudução para um próximo post: Ora, pois a fé a certeza daquilo que se espera com a convicção daquilo que não se vê. (Hb 11:1). Na minha opnião é um dos versículos mais profundos e bonitos que há na bíblia, mas o motivo não vou comentar agora, digo depois.

Fica ai para reflexão….

Beijos e a paz que excede todo o entendimento a todos,