Eu e Alice

Para facilitar a compreensão, a Alice em questão é a do País das Maravilhas.

Por estes dias li o primeiro livro das aventuras da Alice, livro este que é “As aventuras de Alice no País das Maravilhas”, e um episódio em especial me chamou a atenção, Alice e a lagarta.

É bem este o que o video mostra, a conversa que Alice tem com a Lagarta Azul, em que a lagarta pergunta a Alice ‘Quem é você?’ e Alice não consegue responder por ter passado por várias mudanças de tamanho naquele dia.

Esse questionamento de Alice, essa perda momentânea da identidade é algo pelo qual eu já passei e pode ser que muitos outros também passaram. Em alguns momentos de nossas vidas, passamos por tantas mudanças que por um breve momento não conseguimos saber quem somos, ficamos com a pergunta da lagarta azul ecoando em nossas mentes: ‘Quem sou eu?’. Eu acredito que isso se dá pelo fato de que estamos constantemente sendo moldados, Deus que em tudo faz que as coisas cooperem para nosso bem, aproveita as circunstâncias e nos molda a todo instante, e talvez venha dai o não reconhecimento, porque demoramos um pouco para conseguir processar e entender o que ocorreu e no que nos tornamos.

Pode ser que ainda, a sua versão pós mudança tenha te deixado totalmente diferente daquilo que você imaginou para você mesmo, mas com certeza é exatamente aquilo que Deus imaginou para você. Em nosso caminhar com Cristo, a nossa lagarta azul é o Espírito Santo, e a estatura que almejamos chegar é a de Cristo, e até que isso aconteça teremos muitas e muitas conversas com a lagarta, pois ao longo da jornada muitas serão as mudanças a serem encontradas.

Estou a começar pelo começo, para seguir até o fim, e então parar diante do Trono…

 

P.S.: Vale a leitura do Livro As aventuras de Alice no País das Maravilhas!


Revendo as escolhas

O sumiço se deu por passar por novidades e por passar por mudanças, casamento e afins.

O post hoje tem a intenção de por pra fora uma série de idéias e pensamentos, pode ser que assim eles fiquem mais claros e eu os consiga entender melhor.

Quando eu era criança meus pais me diziam para estudar muito, fazer cursos e etc e tal para que eu pudesse ser alguém na vida, não passasse pelas dificuldades que eles passaram e chegasse a conquistar minha independência financeira e ser uma profissional de sucesso e por ai vai. Eu na minha cabeça de criança sempre pensei que se eu fizesse isso direitinho a resposta sobre o tão famoso ” o que eu ia ser quando crescer” ia aparecer magicamente e eu não precisaria me preocupar com isso, desde que eu estudasse muito e foi bem isso o que eu fiz.

O engraçado é que quando eu sai da escola e passei procurar trabalho e a fazer cursos de qualificação (Curso técnico e faculdade) a resposta ainda não tinha aparecido, eu aprendia bastante nos lugares em que eu trabalhava e me empenhava em ser boa funcionária mas em contrapartida ia gostando cada vez menos do que eu fazia. Trabalhar não era uma coisa bacana, era um fardo. Mas eu precisava, se não como é que eu iria pagar os estudos.

Pensei que quando eu conseguisse um estágio ou um emprego na área em que eu estudava na faculdade esse meu problema acabaria. Mas a verdade é que mesmo conseguindo e trabalhando do que parecia ser o lugar pelo qual eu sempre esperei, a sensação de fardo e de que ali não era o meu lugar permanecia e crescia cada vez mais, e a tão esperada resposta mágica nada de dar as caras.

E ai veio a consciência: “Eu busquei algo todo este tempo que eu não quero para minha vida. Eu não me sinto parte deste tipo de vida; essa carreira e esse esforço todo, não são o que eu quero nem o que eu sinto que Deus quer para mim.” E nessa parte eu surtei. E o que é que eu vou fazer de agora para frente? O que vou ser? Eu vou começar de novo? O que eu pensava era: Cadê a droga da resposta!!!!!!!!!!!!!!!!??????????????????

Sim eu vou começar de novo, sem pressão, sem medo, sem um milhão de expectativas ao meu respeito para serem atendidas, vou tentar e o máximo que vai acontecer é não dar certo e ser necessário fazer tudo de novo. É melhor ter que percorrer de novo um caminho que esteja certo, do que terminar um que está errado. Precisamos entender quem somos, como somos e para que fomos criados pois cada um tem um papel e não necessariamente todos farão as mesmas coisas. E o fato de você ser diferente não significa que você é menor do que alguém, é apenas que você não precisa viver a sua vida como as outras pessoas vivem.

Dessa vez to muito feliz, porque enfim tudo vai ficar bem. Porque dessa vez Jesus está comigo.

E a resposta, bem na verdade ela nem é tão mágica assim!

Aguardando o sinal de partida dAquele que preparou tudo pra mim,


Começar tudo de novo, de novo!

E mais uma vez, esse sentimento de começar as coisas de novo vem ao meu coração.

Nos últimos tempos eu passei por muitas mudanças, eu casei (depois eu escrevo sobre isso), mudei de emprego mais uma vez, e pra variar um pouco, dias depois me bateu um grande sentimento de que estava tudo errado e fora do lugar.

Ai hoje pela manhã mais uma vez eu chateada, muito chateada. Pensei em pedir ajuda, pensei em mandar e-mail para pessoas por quem possuo grande respeito pela vida espiritual, depois pensei em mandar minha foto para alguma irmã orar na igreja e ver se Deus revelava alguma coisa, e por último para a minha vergonha eu pensei em falar com Deus.

A princípio como uma coitada, sim, porque para minha vergonha de novo, eu comecei a dizer como eu era uma coitada e como era vítima da minha chateação e que o motivo que me levava a isso, é um gigante contra mim. E foi então que o Espírito Santo bondoso como sempre, me disse: “Auto comiseração é pecado!”

Dai passei a ser ministrada por Ele. Oras se eu estou chateada, e se estou com o sentimento de que as coisas não estão da forma que deveriam estar é porque não estou vivendo a vontade de Deus. E antes de me sentir uma coitada, o que eu devo fazer é buscar viver a vontade de Deus para a minha vida.

Sim, isto não é uma novidade pra mim. Só que antes isso não havia efetivamente entrado no meu coração, apenas eu ficava ouvindo isso da boca alheia. Me parece tão lógico agora, até mesmo o meu gigante, enquanto eu estava dando todo o foco para ele, para me distrair do verdadeiro problema que me aflige: Eu me afastei do querer e da vontade de Deus.

Somente quando eu estou longe de Deus (leia-se não estou falando de igrejas, estou falando de vida espirítual, de comunhão particular e íntima com Jesus) é que as coisas começam a dar errado. Sim porque quando estou aos pés da Cruz, mesmo em circunstâncias adversas, não tem problema nenhum, porque os meus olhos ficam fixos em meu REDENTOR que vive que é por mim.

Porque resolvi dividir isso, não sei…. rsrsrsrsrsrs talvez para poder compreender melhor e guardar ainda mais fundo o ensinamento de hoje.

Aline meu xuxu, que saudades de falar de Jesus com vocês!!!!!!!!

 

Dia de graça e de paz, a todos!

 

Dependente eternamente da graça….. 


O que eu quero!

Eu quero poder andar na rua, e perceber que eu estou andando na rua, perceber o que está ao meu redor.

Eu quero gostar de todos os dias da semana, e não ficar ansiosa somente pelo sábado e domingo. Pois todos os dias são especiais, quero poder aproveitar o que cada um tem de bom.

Eu quero poder domir, mas também quero ter prazer em acordar. Quero que meu sono pare de ser uma fulga e seja realmente o meu descanso.

Eu quero poder ir buscar pão na padaria para tomar café da tarde. E quero que o motivo que me tire do sério seja o leite que ferveu demais e derramou no fogão.

Eu quero poder apreciar um passeio na praça, mais do que a volta no shopping. Na verdade Eu quero que o shopping vire um passeio, e a praça vire rotina.

Eu quero estar em casa, somente por estar, e não entrar correndo, tomar banho correndo e dormir correndo.

Eu quero conhecer os meus vizinhos, e conversar com eles. E quando o açucar acabar, ter a quem recorrer.

Eu quero paz, e quero viver.

 

Certa de que Dias melhores virão….


Aprender o que é bondade de Deus

Sim porque eu achava que era pós- doutorada nesse assunto. Mas recentemente Deus tem em ensinado que não, que ainda tenho muito a aprender sobre o que é bondade, e ainda mais, sobre o que é a bondade dEle.

Pelo dicionário on line Michaellis, bondade significa: 1 Qualidade de bom. 2 Disposição natural para o bem. 3 Benevolência, brandura, indulgência. 4 Boa índole. 5Cortesia, favor, mercê. 6 Justiça.

Eu achava antes que bondade, era você não fazer nada errado, e que consequentemente a bondade de Deus para comigo era satisfazer todas as minhas vontades. “Lógico, porque se eu havia me comportado direitinho, é óbvio que Deus iria cumprir TODAS as minhas vontades, tipo causa e consequência, ação e reação.” Mas para minha surpresa e sorte, o Espírito Santo me ama o suficiente para não deixar que meu egoísmo estúpido me enganasse, e então de uns dias para cá começou a me ensinar que o meu conceito sobre a bondade de Deus, na verdade completamente errado.

Primeiro, os meus conceitos e parâmetros não são os mesmos que os de Deus, ou seja, o que eu acho ou considero que seja bom, não necessariamente será também o que Deus considera e acha bom.  Segundo, Deus não barganha comigo, não é porque eu sou ou deixo de ser boa que Ele é bom comigo.

A palavra de Deus nos diz, que Ele é bom e que sua misericórdia dura para sempre (Rendei graças ao Senhor, porque Ele é bom, e a sua misericórdia dura para sempre – Salmos 136:1). Logo Deus em sua natureza é bom, independente do que façamos Ele é bom, em todo o tempo Ele é bom. Não importa se errei ou se acertei, Ele é bom. E com base nisso, o Espírito Santo tem me ensinado que muitas vezes eu confundo a minha “bondade” com a Bondade de Deus. Quando vou orar ou pedir algo para Deus, eu peço coisas “boas” porém me baseando em meu conhecimento terreno ou meu próprio conforto, seja em minha área profissional, pessoal, sentimental ou até mesmo espiritual. Não priorizo a opinião de Deus, ou então peço: “Senhor faça a Sua vontade, mas eu preciso que tenha isso, isso, isso e aquilo. Porque com todas essas coisas, ai sim vou saber que é o MELHOR do Senhor para mim.”

Mas e se de repente, o MELHOR de Deus para minha vida for completamente contrário ao que eu penso e acho que é bom para mim???? Confronto de caráter e exercício de fé na certa.

Para poder viver o Melhor de Deus, a bondade de Deus, eu vou precisar abrir mão do meu melhor. Vou precisar perder, e para perder eu vou precisar de Fé. Porque quem acha que perder e abrir mão é fácil, já adianto que não é. É ncessário você confiar que mesmo que não tenha a mínima ideia do que acontecerá lá no futuro, você confia que será o Melhor de Deus. Isso tudo porque Ele é Bom. Entende?

Dentre as definições que o dicionário trouxe para bondade está Justiça. Deus é Justo, e logo quando opera sua bondade em nossas vidas, consequentemente é algo justo, a medida não é nem a mais e nem a menos do que precisamos, é a porção exata sem que a gente precisar ficar falando, opinando ou demonstrando o que é “bom”.

Então depois de toda essa reflexão eu posso te dizer que sim, achei um monte de coisas que eu tinha certeza que eram de Deus para mim, mas que na verdade quem escolheu fui eu mesma. Estou orando, para que o Senhor possa ter misericórdia e me ajudar nesse meu vale. Que Ele me leve pelas mãos.

 

Sentadinha na cadeira da sala de aula do Eterno, para aprender porque nunca é demais….

 

 


O que realmente importa

É estar com você!

Porque já procurei muitas coisas para me preencher. E já fui buscar brilho em muita luz que era reflexo.

Nem que eu passasse todo o tempo buscando, nada de valor eu encontrava.

Não achava o que precisava e nem o que queria. Não achava paz.

 

Então você chegou e me encheu de amor. Encheu o meu ser de vida, e fez brilhar em mim, a luz que eu tanto queria.

Hoje sou completa e tudo porque eu realmente quis estar com você, sentir você e amar você.

 

Obrigada por me querer também. Eu te amo Jesus!

 

Entregue a você: porque é o que realmente importa…


Eu escolho você!

Eu escolho parar no meio da minha correria só para ouvir você falar. Escolho abrir mão das minhas próprias vontades para poder viver a sua.

Eu escolho estar sempre conhecendo mais de você, para nunca sentir que somos estranhos. Escolho que o meu conhecimento é vão, e que o que realmente importa para mim é o que você conhece. Eu escolho não me importar com o que as pessoas dizem ao seu respeito, e que de agora para frente me interessa saber apenas como você ama as pessoas.

Eu escolho abrir mão dos meus sonhos, para poder viver os sonhos que você sonhou para mim. Mesmo sentindo dor por negar o meu próprio tesouro; é isso eu escolho que agora eu só quero o teu tesouro. Escolho fazer parte do seu mundo fazer parte dos seus companheiros. Escolho não te dar mais palpites, ser obediente. Escolho que tudo é melhor do seu jeito.

Eu escolho viver o que você quer que eu viva, deixo de escrever minha história para protagonizar a história que você já escreveu para mim. Escolho que não preciso mais de tantas explicações, preciso apenas da tua sabedoria.

Escolho que não preciso mais de todas as coisas que eu pensei que precisava para ser feliz, na verdade eu preciso da tua simplicidade. Escolho que meus juízos de valores não são tão éticos quanto eu julgava, e que agora eles não me servem de nada.

Escolho enfrentar as adversidades ao seu lado, ser corajosa, escolho ter esperança. Escolho cultivar minha fé. Escolho não decidir mais nada sozinha, escolha nunca mais estar sozinha, nunca. Escolho o seu tempo, seu silIencio.

Escolho jogar fora todos os meus argumentos, escolho aprender te ouvir. Escolho falar menos, e a rir mais.

Escolho ter uma existência com sentido, cheia de amor, com objetivo, com doçura, com você. Eu escolho que só existo com você!

De todas as coisas que eu poderia escolher ao longo da minha vida, eu escolho você!

Você é Jesus, a melhor escolha que eu posso ter na minha vida. Você é TUDO!

Escolho sempre VOCÊ…